Voltar para Artigos


logo

©17 de abril 2015 Revive Israel Ministries

As Profecias de Daniel

Asher Intrater

O livro de Daniel pode ser dividido em duas seções principais. Os capítulos de 1 a 6 contêm histórias da experiência de Daniel e seus amigos quando estavam servindo nos governos de Babilônia e Pérsia. Os capítulos de 7 a 12 contêm uma série de visões sobre o Reino de Deus e o fim dos tempos. 

Em termos da revelação progressiva dos profetas israelitas, Daniel representa o estágio mais avançado. Sua visão da vinda do Messias preparou o caminho para o Evangelho; suas visões do fim dos tempos fornecem o pano de fundo e o contexto para o livro de Apocalipse. Os capítulos de 7 a 12 contêm 4 grandes visões:

  1. Capítulo 7: primeiro ano de Belsazar – visão das 4 bestas e do Ancião de Dias
  2. Capítulo 8: terceiro ano de Belsazar – visão do Carneiro (Pérsia/Média) e do Bode (Grécia)
  3. Capítulo 9: primeiro ano de Dario – profecia das 70 semanas e do Messias sendo “morto”
  4. Capítulos 10-12: terceiro ano de Koresh (Ciro) – um resumo do fim dos tempos pelo “Homem de Fogo”

O entendimento de Daniel acerca de suas próprias visões era limitado. Foi-lhe dito que o cumprimento delas viria mais para frente e, portanto, seu significado estava “selado” até lá (Daniel 8.26; 12.4,9). 

Em cada uma dessas quatro grandes profecias, há referências diretas a Yeshua como: “Messias”, “Comandante dos Exércitos”, e “O Anjo YHVH” (Daniel 7.13-14; 8.11,15,25; 9.25-26; 10.5-6,20-21).

Todas essas profecias mencionam dois fortes poderes demoníacos engajados numa guerra espiritual contra o Reino de Deus: Paras (Pérsia) e Yavan (Grécia). A Pérsia está localizada a Leste de Israel, e a Grécia a Noroeste. É difícil não ver a ligação escatológica em nossos dias entre o extremismo islâmico e o espírito Paras, e entre o humanismo ateísta ocidental e o espírito Yavan.

Contudo, embora os principados demoníacos sobre Paras e Yavan sejam malignos, os líderes das nações nas áreas sob sua influência podem, às vezes, fazer o bem. Tanto Dario quanto Ciro são elogiados nas Escrituras; e as conquistas civilizatórias de Alexandre o Grande da Grécia (na verdade, Macedônia) também podem ser vistas sob uma luz positiva. A figura do Anjo YHVH (Yeshua) é vista lutando a favor de Dario (Daniel 11.1); e Ciro é chamado o “ungido” (mashiach) de Deus quando ele decreta a restauração de Jerusalém (Isaías 45.1).

Observe o contexto histórico das últimas profecias de Daniel: as primeiras duas aconteceram durante o reinado de Belsazar, que era o filho mau de Nabucodonosor. Foi para ele que apareceu a “escrita na parede” (Daniel 5). Daniel previu a queda de Belsazar, que ocorreu imediatamente após a escrita na parede. O reino de Belsazar foi conquistado por Dario. 

Daniel foi capaz de realizar sua maior obra servindo como uma espécie de primeiro-ministro nos reinados de Dario e Ciro (Daniel 6.29). Parece que a decisão de Ciro de apoiar a restauração de Sião veio como resultado da influência política, da intercessão e das profecias de Daniel durante o reinado de Ciro.

Daniel estudou as profecias de Isaías e Jeremias e começou a orar pelo cumprimento delas em sua geração. Da mesma forma, somos chamados a ler todas as Escrituras proféticas e orar pelo seu cumprimento em nossa geração. Que possamos receber uma unção e um entendimento semelhantes aos de Daniel – para orar, jejuar, interceder e nos arrepender como ele fez; além de acreditar que podemos influenciar a história por meio de fé e profecia também. 


Acordo do Irã

Na semana passada, a Rússia decidiu vender mísseis S-300 ao Irã em troca de petróleo – isso em resposta à remoção provisória das sanções nas conversas de Lausanne. Israel, o Egito e a Arábia Saudita manifestaram preocupação de que a retirada das sanções resultaria numa corrida armamentista no Oriente Médio. Além disso, Israel teme que um impulso financeiro ao regime Ayatollah no Irã resulte em mais apoio financeiro ao terrorismo e Islã radical.


Coalizão

A coalizão para o novo governo ainda não foi formada. Os cargos de gabinete mais importantes como os de ministério do exterior, de segurança, do interior e de educação ainda não foram preenchidos (sendo que o ministério da defesa deve ficar, provavelmente, com Yaalon e o da Fazenda com Kakhlon). A formação desse governo é crítica para o futuro de Israel. Ore pela vontade de Deus, por sua sabedoria e intervenção.


Convite para o Shavuot

Cremos que, de acordo com as Escrituras, Deus derramará o seu Espírito sobre toda a carne no fim dos tempos (Atos 2.17-21). Para que isso aconteça, Yeshua está esperando que seu corpo espalhado ao redor do mundo se una em fé e oração, para pedir que este evento que mudará o mundo aconteça. Portanto, estamos pedindo que você se junte a nós para o Shavuot (Pentecostes) este ano, pessoalmente ou pela transmissão ao vivo pela internet. O evento começará dia 23 de maio, 2015 às 10h (horário de Israel) e durará 8 horas.

Para acompanhar a transmissão ao vivo pela internet, acesse reviveisrael.org durante o evento.


Graça para o Nosso Lugar

Nesta mensagem, nosso querido amigo Paul Wilbur compartilha da sua vasta experiência como líder de adoração sobre a graça e a unção do Espírito Santo em nos capacitar a fazer aquilo que fomos criados para fazer. Para assistir em inglês, clique AQUI!


Revive na Tailândia

O Ministério Revive na Tailândia tem ajudado ativamente pessoas que buscam asilo (principalmente do Paquistão) em Bangcoc, muitos dos quais estão atualmente sendo detidos por autoridades tailandesas onde algumas famílias foram separadas. O Pastor Mark e sua equipe os têm ajudado fornecendo comida, produtos de higiene pessoal e fraldas. Por favor, ore para que achem favor diante dos oficiais do governo, apoio financeiro e para que o Reino de Deus avance. Para assistir a um vídeo curto de notícias em inglês, clique AQUI!


Voltar